27 de jan de 2016

Instagram


Olá Pessoal, o BLB agora tem perfil no instagram! Siga e fique ligado nas melhores postagens do blog e outras novidades! 

https://www.instagram.com/laurabsecret/

23 de jan de 2016

Colheremos, se plantarmos


Se o ontem vai e não volta mais e o amanhã não existe, só temos o hoje e no máximo o agora. Portanto podemos notar que a vida na realidade é uma eterna colheita diária de sentimentos. E como estamos todos conectados, seria injusto o julgamento do que estamos colhendo, se todos acabamos plantando.

Essa ideologia do jardim, sementes e colheitas da vida tem me feito refletir positivamente sob aspectos que antes julgava como injustos e opressores quando aconteciam comigo.
Nós não podemos ter bromélias se não plantarmos bromélias. Não podemos ter rosas ou girassóis se não os plantamos outrora. Assim é a vida. Eu planto hoje, para colher amanhã. Se em meu ontem deixei passar a oportunidade de fazer uma boa plantação, provavelmente agora estarei colhendo  apenas insatisfação e arrependimento pela má escolha. E o recado da vida nesses momentos é basicamente um "é o que tem pra hoje".

Mas a notícia boa é que podemos mudar isso. Temos completo controle sobre nossas ações e resultados. Portanto, ao pararmos de nos colocar em posição de vítimas pobres e oprimidas e mudarmos de papel para os produtores de oportunidades, vamos notar que nada é injusto e que apenas ocorre a ação e reação da vida à todo tempo. 

Muda o jogo!

18 de jan de 2016

Andei Pensando...


As pessoas têm muita mania de cobrar da gente o que elas não possuem. E principalmente a integridade que elas não têm. A honestidade é aversa à hipocrisia e aos caprichos mesquinhos daqueles que te abraçam, te beijam a face mas ao mesmo tempo possuem o dardo envenenado nas mãos, apenas aguardando que tu vires as costas para cravá-lo sem piedade em ti quando se vê acuado de orgulho ferido. Possuem medo! Lhes falta a coragem de alimentar caráter. Se vitimam em todas as oportunidades. Culpam e julgam para esconderem a si mesmas.

De que lado você está? Que personagem você veste a cada dia? O de vilão ou o de mocinho? Reflita, ainda há tempo de mudar e viver de forma mais equilibrada, leve e verdadeira.




Laura Beatriz. 

13 de jan de 2016

Um belo livro



"A pessoa que abusa do poder torna-se insensível, perde a noção da realidade. É uma alma quer trabalha como "burro de carga", servindo de escravo para a ganância cega do ego pelo poder. Só acorda para a vida quando extrapola os limite e acaba atraindo alguma doença, resultado da somatização de emoções reprimidas. 

Parece que a vida toma as rédeas e, de forma brusca, tira a pessoa do suposto controle que ela achava que tinha sobre os outros, intervindo com alguma doença, arquitetando as loucuras da mente num leito de hospital. 

Só assim, amordaçada pelo destino, é que uma pessoa autoritária passa e refletir e, sem força para impor seu querer desmedido, descobre que, na verdade, nós, seres humanos, não temos o controle nem do nosso próprio intestino e que o fato de ser uma pessoa intransigente pode simplesmente afastar as pessoas. (...)


Trecho do Livro "Eu Creio em Mim" - Edvaldo Ribeiro

8 de jan de 2016

Somos Inteiros


Desde muito cedo, quando crianças, somos geralmente influenciados através de filmes e desenhos infantis à crer que somos uma metade e que, para sermos completos e felizes, devemos encontrar o príncipe e ou a princesa encantada (remetendo também à pessoas perfeitas, que não existem¹) ou o par ideal, alguém que nos complete para que assim sejamos plenos. 

Grande engano. Somos inteiros. O que acontece é que devemos buscar quem nos some, quem nos acrescente. Mas não quem nos completa. Isso é diminuir-se, pois já somos completos e é desta forma que devemos nos enxergar. Equivoca-se quem, na ilusão, busca sustentar a ideia de que só será feliz quando tiver alguém ao lado. E quando esse alguém vai embora? O Amor é que é errado ou foram suas próprias expectativas que te frustaram?

Devemos refletir, meus amigos, na verdadeira essência da vida. Ninguém é responsável pelas expectativas que nós criamos. Vocês sabiam que nem todos nós viemos à Terra com a missão do matrimônio? Muitos passam a vida inteira infelizes, obcecados em encontrar a famosa "metade da laranja" e esquecem o verdadeiro propósito a qual vieram ao mundo. Muitas vezes, felicidade que tanto busca estará na caridade ao próximo, na benevolência, na mansuetude. A felicidade que você procura exaustivamente pode ser encontrada no auxílio aos seus semelhantes. Já pensou nisso?

É amando que se recebe o amor. A vida é um espelho. Não existe sofrimento. O sofrimento que vemos como fardo é, na verdade, benção. Processo de cura da alma. É alerta de que algo está errado e é preciso mudar de direção, à fim de ser para com o mundo ao seu redor e para seu íntimo um todo em Luz. É entender que um filho de Deus não pode ser incompleto e infeliz. É entender que todos fazemos parte da natureza e que a vida começará a nos sorrir quando nós sorrirmos para ela! 

Que sejamos agradecidos para com tudo o que nos acontece. A gratidão é semente dos mais belos frutos da alma. Agradece, pois, tudo o que Deus está lhe oferecendo e ofereceu até hoje. Temos as ferramentas que nos são necessárias à evolução e todo amparo para as batalhas terrenas. Segue e confia, com Fé e Amor. Estamos juntos no progresso da humanidade! 



1. Não existem pessoas perfeitas. Temos de aprender a olhar o semelhante como errantes suscetíveis de se melhorar, que também somos e assim, perdoá-los e seguir compreendendo e amando. 



Laura Beatriz.

7 de jan de 2016

Nota!


Não aceito pouco.

Sou 8 ou 80. Não sei não me entregar e nem mesmo aceito ser banida de fazê-lo. Se estou, estou de corpo e alma. Quando contrariada à isso, minha tendência é somente o afastamento. Me desculpe, ninguém nunca me ensinou ser metade e aceitar me contentar com metades. E jamais me diga "melhor ter meu pouco, do que não ter nada", porque meu amor próprio é suficiente para colocar um fim em qualquer coisa que não me convém. 

5 de jan de 2016

Quanto você é importante?




É muito interessante notar o quanto as pessoas sentem magoadas quando as tratamos da mesma forma que nos tratam. Não se dão conta que em tudo para que é ação, existe a reação. Será que ser o vilão implica realmente em deixarmos de ser coniventes com coisas que nos depreciam para apenas deixar de satisfazer necessidades egoístas?

O Amor próprio é a base fundamental para uma vida harmoniosa. Quando colocamos limites e impomos respeito à nós mesmos, é isso que a vida em geral passa a refletir em nós.
Não devíamos ser julgados por pensarmos em nós com prioridade. Claro, considerando o auxílio, a caridade e amor ao próximo, essa benfeitoria de valor deve começar primeiramente em nós mesmos e depois ser transpassada ao redor!

Vamos começar a nos amar, nos respeitar. Dizer 'sim' quando quisermos e principalmente 'não' quando não quisermos fazer algo. Isso pode aliviar nosso dia a dia em pelo menos 50%.
Não é uma tarefa fácil sair da condição de passivo dos outros para o condutor da própria vida, mas é algo importantíssimo e que vale muito apena para nossa evolução. Tenho praticado essa nova forma de vivência e me sinto cada vez melhor, com bagagem apenas minha.

Assim como um professor precisa se preparar para exercer sua função, adquirindo conhecimento e fortalecendo o que pretende fazer, que é ensinar pessoas, adquira uma forma de vida que possa te preencher e satisfazer antes de tudo e posteriormente, quando em condições, transpasse à outros. Faça isso! Ame-se, respeite-se! Somos muito preciosos para desperdiçar tempo vivendo outras vidas.



Forte Abraço,
Laura Beatriz.